*



Você está assistindo: A gente se vê por aqui

*

REPOSITORIO cardonafam.comTeses e Dissertações a partir de Programas de Pós-Graduação da PUC-SPPrograma de pesquisar Pós-Graduados em bases e Semiótica
Use naquela identificador para citar alternativa linkar para naquela item: https://repositorio.cardonafam.com.br/jspui/handle/handle/4724
Tipo:Dissertação
Título:"A gente se vê por aqui": a captura do sujeito através das imagens na televisão
Autor(es):Galbiatti, Maria Odete
Primeiro Orientador:Cesarotto, Oscar Angel
Resumo:Este estudo visa refletir sobre o poder dos slogans da Rede Globo, lidos segundo uma perspectiva semiótica, e escutados psicanaliticamente. O objetivo é mostrar que a televisão funciona como um discurso alienante na construção da experiência da realidade psíquica, substituindo o vivido pela contemplação passiva de imagens; implicando todo um estilo de vida, a reboque do mercado e da estetização orquestrada pela tecnologia comunicacional. Semioticamente, a televisão e o público terminam confundindo-se, pois na frente dela, estamos capturados por imagens que dominam a aparência do nosso corpo, nosso Eu, nossa imaginação; multiplicando-se infinitamente, essas imagens nos fazem perder de vista o valor estético da vida. Sua mensagem determina os ideais sociais, e norteia os desejos da audiência. Seus excessos, porém, inflacionam o imaginário, e isto pode ser lido como um sintoma da cultura.
Abstract:This paper aims on thinking over the slogan power of Globo TV network, considering a semiotics perspective and also the psychoanalytical listening. The purpose is to show that TV works as an alienating discourse in constructing the experience of the psycho reality replacing the living actions with the passive contemplation of images. Thus entailing a whole lifestyle towed by the market as well as by an esthetic pattern orchestrated by the communication technology. Through a semiotic view the TV and the public mix themselves up because when in front of the TV set we are captured by images which dominate the appearance of our body, our ego, our imagination. Such images which multiply infinitely make us lose our sight of the esthetic value of life. The message from TV determines the social ideals and heads the audience wishes. Excessive TV however swells the imaginary and it may be viewed as a cultural symptom.
Palavras-chave:ImagemImaginárioTelevisãoSemiótica PsicanálíticaSintoma da Cultura.TelevisionImageImaginaryPsychoanalytic SemioticCultural symptomRede Globo de Televisao -- SlogansComunicacao e semioticaTelevisao -- SemioticaSemiotica psicanalitica
CNPq:CNPQ::CIENCIAS HUMANAS
Idioma:por
País:BR
Editor:Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição:PUC-SP
metadata.dc.publisher.department:Comunicação
metadata.dc.publisher.program:Programa de estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação:Galbiatti, Maria Odete. "A gente se vê por aqui": a captura do sujeito através das imagens na televisão. 2006. 106 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de Acesso:Acesso Aberto
URI:https://tede2.cardonafam.com.br/handle/handle/4724
Data dá documento:10-Mar-2006
Aparece nas coleções:Programa de estudar Pós-Graduados em comunicação e Semiótica

Arquivos relevante a aquela item:
ArquivoDescriçãoTamanhoFormato
MARIA ODETE GALBIATTI.pdf604,46 kBAdobe PDF
*
Visualizar/Abrir



Ver mais: Apresentadora Do Jornal Da Cultura Usa Peruca, Karyn Bravo (@Karynbravo)

mostrar registro alcancem do artigo panorama estatísticas